Eventos

Voltar

Carla Simões

Natural de Lisboa, Carla Simões estreou-se nos palcos como “Pamina”, em A Flauta Mágica, e tem vindo a desenvolver um vasto repertório operático de onde se destacam outros papéis Mozartianos como “Donna Anna” (Don Giovanni), “Fiordiligi” (Così fan Tutte), “Cherubino” (Le Nozze di Figaro), “Clarice” e “Lisetta” (Il Mondo della Luna, P. Avondano), “Nora” (Riders to the Sea, Vaughn Williams), “Condessa Ernesta” (As Damas Trocadas) e “Rosina” (O Basculho da Chaminé) de Marcos Portugal, “Norina” (Don Pasquale) e “Rita” de Donizzeti, “Paride e Pallade” (Paride ed Elena, Glück), “Peppa” (A Vingança da Cigana) e “Albina” (A Saloia Enamorada) de Leal Moreira, “Crobyle” (Thaïs, Massenet), “Anna” (Nabucco, G. Verdi), “Juliette” (Romeo et Juliette, Gounod), “IV Mägd” (Elektra, R. Strauss) e “Mercédès” (Carmen, Bizet), entre outros.
Sob a Direcção de prestigiados Maestros nacionais e estrangeiros – entre os quais António Pirolli, António Lourenço, Cemi’i Can Deliorman, Cesário Costa, Donato Renzetti, João Paulo Santos, Julia Jones, Leo Hussain, Marcos Magalhães, Pedro Neves, Rory McDonald, Rui Pinheiro ou Tapio Tuomela – trabalhou com agrupamentos musicais de referência, como a Orquestra Sinfónica Portuguesa, Orquestra Metropolitana de Lisboa, Orquestra Filarmonia das Beiras, Ensemble “Os Músicos do Tejo”, a Orquestra da Fundação Calouste Gulbenkian ou a Orquestra de Câmara de Cascais e Oeiras, marcando presença em numerosos festivais culturais (Festival Musicatlântico, Festival Culturel Européen de Rouen, Festival de Mateus, Festival de Música da Costa do Estoril, Festival Allgarve, Festival ao Largo, Festival Cistermúsica, etc.), e nos mais importantes palcos nacionais como o Teatro Nacional de S. Carlos, Teatro Municipal de S. Luiz, Teatro Nacional de S. João, Grande Auditório da Fundação Calouste Gulbenkian, Grande Auditório do Centro Cultural de Belém e Zènith de Rouen, entre outros.
Recebeu o 2.º Prémio Voz Feminina no Concurso Nacional de Canto Luísa Todi, em 2011, e tem sido convidada para a estreia de vários trabalhos de compositores contemporâneos como Vasco Martins (A Voz da Lua – «Ópera Crioulo») ou Luis Tinoco (Egg-Wisk – «Evil Machines).
Do seu repertório de Concerto e Oratória destacam-se: Gloria (Vivaldi), Magnificat (Bach), Hymno Lusitano (Bomtempo), Ode para o dia de Santa Cecília (Handel), A Criação (Haydn), Exultate, Jubilate (Mozart) Lauda per la Nativitá del Signore (Respighi), Requiem Alemão (Brahms), Requiem (Verdi), 9.ª Sinfonia (Beethoven), Catfish Row (Gershwin), e um alargado repertório de Canção e Lied abarcando diversos compositores e períodos musicais incluindo ciclos orquestrais como Vier Lezte Lieder (R. Strauss) e Wiesendonk Lieder (R. Wagner).

Alto Patrocínio / High Patronage

Patrocinadores / Sponsors

Parceiros / Partnerships

X